Title: O ANÃO TRISTE

Author:HILST HILDA
Subject:POETRY
Source:
Download book:
Words Statistic:words statics
 

Number of words for page:
Hilda Hilst

O anão triste


****************


De pau em riste O anão Cidão Vivia triste. Além do chato de ser anão Nunca podia Meter o ganso na tia Nem na rodela do negrão. É que havia um problema: O porongo era longo Feito um bastão.
E quando ativado Virava... a terceira perna do anão. Um dia... sentou-se o anão triste Numa pedra preta e fria.
Fez então uma reza Que assim dizia: Se me livrasses, Senhor, Dessa estrovenga Prometo grana em penca Pras vossas igrejas.
Foi atendido. No mesmo instante Evaporou-se-lhe O mastruço gigante. nenhum tico de pau Nem bimba nem berimbau Pra contá o ocorrido.
E agora Além do chato de ser anão
Sem mastruço nem fole Foi-se-lhe todo o tesão. Um douto bradou: Ó céus! Por que no pedido que fizeste Não especificaste pras Alturas Que lhe deixasse um resto? Porque pra Deus O anão respondeu Qualquer dica É compreensão segura.
Ah, é, negão? Então procura.

E até hoje Sentado na pedra preta O anão procura as partes pudendas... Olhando a manhã fria.

Moral da história: Ao pedir, especifique tamanho Grossura quantia.

Drida, a maga perversa e fria

Pairava sobre as casas Defecava ratas Andava pelas vias Espalhando baratas Assim era Drida A maga perversa e fria. Rabiscava a cada dia o seu diário. Eis que na primeira página se lia: Enforquei com a minha trança
O velho Jeremias. E enforcado e de mastruço duro Fiz com que a velha Inácia Sentasse o cuzaço ralo No dele dito cujo.
Sabem por quê? Comeram-me a coruja. Incendiei o buraco da Neguinha. Uma criola estúpida Que limpava remelas De porcas criancinhas. Perguntaram-me por que Incendiei-lhe a rodela?
Pois um buraco fundo De régia função Mas que só tem valia Se usado na contramão ...
Page: 1
 

Help

  • Select one or more words an get availables translation in Logos Dictionary.
  • Set the number of words for each page an refresh the content.
  • Go to begin of the document
  • Go to previous page
  • Go to next page
  • Go to the end of document
  • Libri.it

    TILÙ BLU VUOLE BENE AL SUO PAPÀSOLVEIG. UNA VICHINGA NELLA TERRA DEGLI IROCHESIIL VIAGGIO DELLA MADREPERLA 3 – L’OMBRA DELLE PIETREIL LUPO IN MUTANDA 7 – SE LA SVIGNA
  • Libri.it
  • Treccani