Title: POESIA ERÓTICO-AMOROSA

Author:SAFO
Subject:POETRY
Source:
Download book:
Words Statistic:words statics
 

Number of words for page:
SAFO

- Poesia erótico-amorosa


********************


Grande poetisa grega, nascida em Mitilene, no século VII antes de Cristo. Juntamente com Alceu e outros cidadãos influentes, tendo se associado à conjuração aristocrática urdida contra Pitacos, foi exilada , indo viver na Sicília. Diz a lenda que Safo, desprezada de Faon, suicidou-se saltando ao mar do promontório da Leucádia. A investigação moderna, porém, chegou à conclusão que a suicida era uma homônima, igualmente habitante da ilha de Lesbos, que famigerada cortesã, e que viveu posteriormente.

Safo passa por ter inventado o modo mixolidiano, que se baseia no si , e que se tornou o genuíno modo eólio. Os tormentos amorosos expressos nos versos consagraram a poetisa como a primeira a celebrar o amor na poesia. Resta-nos da poetisa um reduzido número de fragmentos. Suas obras foram queimadas em Constantinopla, no pontificado de Gregório VII, tendo sido resgatado apenas trechos de suas poesia.

A poesia de Safo dirigi-se a mulheres que amava e admirava. Por isso mesmo, Safo é conhecida como a primeira mulher lésbica da História.



Contemplo Como o Igual dos Próprios Deuses

Contemplo como o igual dos próprios deuses esse homem que sentado à tua frente escuta assim de perto quando falas com tal doçura,

e ris cheia de graça. Mal te vejo o coração se agita no meu peito, do fundo da garganta já não sai a minha voz,

a língua como que se parte, corre um tênue fogo sob a minha pele, os olhos deixam de enxergar, os meus ouvidos zumbem, e banho-me de suor, e tremo toda, e logo fico verde como as ervas, e pouco falta para que eu não morra ou enlouqueça.

Para Anactória

A mais bela coisa deste mundo para alguns são soldados a marchar, para outros uma frota; para mim é a minha bem-...
Page: 1
 

Help

  • Select one or more words an get availables translation in Logos Dictionary.
  • Set the number of words for each page an refresh the content.
  • Go to begin of the document
  • Go to previous page
  • Go to next page
  • Go to the end of document
  • Libri.it

    TILÙ BLU NON VUOLE PIÙ IL CIUCCIOICOSACHI E IL CANE BRUTTO CHE NON VOLEVA NESSUNOLA GALLINAGLI UCCELLI vol. 2
  • Libri.it
  • Treccani